Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Hela | Moda e tendências

Um olhar diferente sobre a moda. ✨ Aqui falamos de moda, tendências, opiniões e muito mais.

27
Ago19

Offline por uma semana

Será possível ficar longe das redes sociais?

Tita Vicente

Quando fui ao Gerês fiquei meio que privada das redes sociais por dois motivos: a rede era fraca na maioria dos sítios onde estive e porque estava mais focada em conviver com as pessoas em vez de com o telemóvel. Dois dias se passaram nesta aventura e quando regressei a Lisboa, decidi que na segunda feira iria apagar as redes sociais do meu telemóvel - sendo que eu já só tenho a aplicação do Instagram - e que iria iniciar um processo de uma semana longe das redes sociais.

O primeiro dia foi muito engraçado porque o meu cérebro automaticamente sempre que desbloqueava o telemóvel para fazer algo me induzia a ir procurar a aplicação. É algo que já faz tanto parte do nosso quotidiano seja ao acordar, para as pequenas pausas do trabalho, para quando estamos naquelas horas de tédio que é algo automatizado completamente. Foi um dia tranquilo, confesso que não senti grande falta e tentei ocupar os tempos que usava para o insta com outras coisas mais produtivas.

Já estava no meu quarto dia sem redes sociais e tive de voltar a instalar a aplicação no telemóvel porque me inscrevi num curso onde dão algumas dicas extras através dos stories e então eu precisava de pelo menos ver esse perfil. Confesso que mesmo depois da aplicação instalada ao telemóvel recorri muito menos vezes a ela para “matar” os tempos mortos onde habitualmente a usava. Aprendi a usar esses tempos para ouvir - e estar mais concentrada - em podcasts, instalei um jogo de palavras que estimula o cérebro, passei a estar mais atenta ao que me rodeava.

O balanço final de uma semana “longe” das redes é positivo. Apesar de não ter cumprido totalmente o meu objetivo inicial de uma semana completa de detox social, acho que foi uma experiência positiva só pelo facto de me obrigar a pensar e agir de outra forma. Agora o Instagram já não é a primeira aplicação que eu abro quando acordo, nem a primeira que procuro quando desbloqueio o telemóvel. Aliás alguns amigos chegaram mesmo a dizer que notaram que eu estava mais ausente das redes o que me deixou feliz, pois percebo que cumpri uma parte do meu objetivo com este afastamento.

E ai, alguém já tentou fazer algo parecido ou pensou em fazer?

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.